28 novembro 2018

O Vale da Visão do Senhor

Alto e Santo, Manso e Simples
Trouxe-me para o vale da visão,
onde moro nas profundezas, mas Te vejo nas alturas;
cercado por montanhas de pecado, vejo a Tua glória.
Deixe-me aprender pelo paradoxo
que o caminho que abate é o caminho que exalta
que inclinar-se é ser enaltecido,
que o coração quebrantado é o coração curado,
que o espírito contrito é o espírito de alegria,
que a alma arrependida é a alma vitoriosa,
que não ter nada é possuir tudo,
que levar a cruz é usar a coroa,
que dar é receber,
que o vale é o lugar da visão.
Senhor, as estrelas diurnas podem ser vistas nos mais intensos abismos,
e quanto mais profundos eles são, maior é o brilho das Tuas estrelas;
Deixe-me encontrar a Tua luz na minha escuridão
a Tua vida na minha morte
a Tua alegria na minha tristeza
a Tua graça no meu pecado
as Tuas riquezas na minha pobreza
a Tua glória no meu vale.

Nenhum comentário: